Como ganhar visibilidade no mercado de Arquitetura

A Arquitetura é o trabalho dos sonhos de muitos jovens profissionais brasileiros, mas a falta de clientes pode transformar este sonho em um terrível pesadelo ao fechar as contas no final do mês.

Se você já passou dias sem receber um telefonema ou pedido de orçamento, sabe muito bem do que estou falando sobre o mercado de Arquitetura.

Esse foi o principal motivo para ter criado o Treinamento Grátis: 5 Passos para ter Visibilidade no Mercado de Arquitetura.

A Arquitetura tem um mercado muito amplo e com milhares de profissionais espalhados em diferentes áreas. Se você quiser mudar o cenário da profissão e não sofrer com a falta de clientes, é preciso ganhar mais visibilidade e se destacar no mercado da Arquitetura.

Uma das primeiras dicas que dou para os Arquitetos em qualquer curso é: escolha um nicho de mercado para atuar.

Esse é um conceito básico do empreendedorismo, mas que parece longe da realidade da maioria dos Arquitetos. Se você ainda não tem um nicho de mercado de Arquitetura, é bem possível que este seja um dos problemas pelos quais ainda sofre com a falta de clientes.

Mercado de Arquitetura não é nicho

Uma das primeiras ideias que você deve ter na cabeça é que o mercado de Arquitetura não é nicho.

Um Arquiteto que faz tudo acaba se tornando um generalista. Ele atende todos os tipos de clientes e faz qualquer trabalho que apareça pela frente. Em um primeiro momento, isso pode parecer bom, mas ele não consegue fixar seu nome no mercado.

Na maioria das vezes, a maior parte de seus clientes chegam através de indicações, que se tornam cada vez mais raras. Se você já passou por isso, sabe muito bem do que eu estou falando.

Como o próprio nome diz, este não é um nicho, mas o mercado de Arquitetura. E, para falar a verdade, é um conjunto de mercados.

Cada função do Arquiteto, como reforma, construção, planejamento etc. é um mercado por si só. Ou seja, dentro da Arquitetura, existem diferentes mercados, segmentações e nichos diferentes para atuar. E a escolha certa dessas áreas faz com que você ganha cada vez mais visibilidade no mercado de Arquitetura.

Os diferentes segmentados de mercado

Antes de chegarmos nos nichos de mercado, ainda temos uma outra divisão dentro do mercado de Arquitetura. São as famosas segmentações. Eu tenho certeza que você já conhece bem maior parte delas, mas nunca escolheu apenas uma para focar maior parte de seus esforços profissionais.

As segmentações do mercado de Arquitetura são aquelas áreas que você pode atuar dentro do mercado. Como eu disse antes, reforma, projetos, construção de maquetes, construção etc. são mercados dentro do mercado de Arquitetura. Escolhendo uma dessas áreas, você pode aplicar maior parte de seus esforços nelas e ser reconhecido por isso.

Se você escolher a área de reformas, por exemplo, não será reconhecido apenas como um Arquiteto, mas como o Arquiteto especialista em reformas. Mas, ainda é pouco, é preciso segmentar este mercado. Ser o Arquiteto especializado em reforma de bares é um exemplo de segmentação.

Dica importante: Muitos profissionais escolhem a segmentação de mercado de Arquitetura na hora de escolher uma pós-graduação ou especialização, mas, infelizmente, a maioria deles não leva isso para fora do mundo acadêmico. Essa é uma grande armadilha nas carreiras de Arquitetos. Faça o contrário e leve a especialização para o mercado de Arquitetura para se destacar.

O poder do nicho de mercado na segmentação

Como você pode ver, apenas a segmentação do mercado de Arquitetura não é responsável sozinha por trazer visibilidade para Arquitetos. Um Arquiteto especializado em reformas de bares chama mais atenção que um Arquiteto generalista, mas ainda é pouco para você se destacar em meio a tantos profissionais semelhantes. É aqui que entra o poder do nicho de mercado.

Se você ainda não está familiarizado com este termo, o nicho de mercado é uma hipersegmentação do mercado de Arquitetura. A proposta é escolher uma parcela bem pequena do todo para concentrar maior parte dos seus esforços e trazer muito mais resultados.

Uma das principais bases para a ideia de escolher um nicho de mercado de Arquitetura vem do Princípio de Pareto. Essa é uma lei criada pelo consultor de negócios Joseph Moses Juran que diz que, para a maioria dos fenômenos, 80% dos resultados são conquistados através de 20% dos esforços.

Trazendo isso para o mercado de Arquitetura, quer dizer que apenas 20% do seus trabalhos trazem verdadeiros frutos profissionais, ou seja 80% dos resultados.

Quando escolhemos um nicho, nós quebramos o Princípio de Pareto transformando esses 20% em maior parte dos nosso esforços e, assim, conquistamos mais resultados e visibilidade como Arquiteto.

Dessa forma, é possível escolher um nicho de mercado de Arquitetura extremamente fechado e ganhar visibilidade dentro dele. A melhor parte disso é que seu nome passará a ser conhecido em todos os nichos ao redor e alcançará todo o segmento.

Com o nicho, começamos pequenos, mas pensando em um futuro grande. O Arquiteto que faz reforma de bares, pode virar o Arquiteto especializado em reforma bares temáticos e, assim, se tornar conhecido em todo o mercado de reforma de bares, por exemplo.

O nicho é o primeiro passo

O nicho tem um potencial enorme no mercado de Arquitetura, mas é apenas o primeiro passo para atrair clientes e ganhar mais visibilidade. Sabendo usar técnicas de negociação, criar ofertas irresistíveis e despertar emoção em seus clientes, você conseguirá se destacar no mercado.

Essa é a proposta do Treinamento Gratuito: Os 5 Passos para ter Visibilidade no Mercado de Arquitetura!

 

-> Clique aqui para assistir: Os 5 Passos para ter Visibilidade no Mercado de Arquitetura

 

Oportunidade